Sexta-feira, 21 de Janeiro de 2011

SEQUESTROS E OUTRAS PRESSÕES PARA FORJAR A NECESSIDADE DE MICROCHIPS


A sociedade sem dinheiro em papel-moeda nao é um "novo" conceito, mas, um antigo recuperado pela elite globalizadora para exercer um controle absoluto sobre todos os individuos. Em agosto de 1975, o senador americano Frank Church declarou que "o Governo tem capacidade tecnologica para impor uma "tirania total" no caso de que um ditador tomasse o poder. Nao existiria um so lugar para ocultar-se".


O dinheiro em metálico nos garante intimidade e anonimato ou, o que e o mesmo, liberdade. Tambem nos garante independencia. Todos nos poderiamos conseguir que os bancos do mundo quebrassem apenas tirando simultaneamente o dinheiro que temos depositado neles. O dinheiro em papel-moeda tambem e sinonimo de descentralizacao. O governo sabe que para controlar, vigiar e seguir a pista da populacao deve suprimir o dinheiro em efetivo.


Na decada de 1960, segundo meu avo ─ um oficial do Servico Contra espionagem da KGB ─, este ultimo baralhou um plano que consistia na introducao de um cartao de credito no sistema para assim poder efetuar com facilidade um seguimento, tanto das pessoas, como do dinheiro. Para sua desgraca, embora felizmente para o resto da populacao, havia um inconveniente de carater pratico em todo este assunto. Naquela epoca as lojas russas, se se caracterizavam por algo, era por sua falta de mercadorias. Embora cada cidadao russo dispusesse de um sofisticado cartao de credito, o governo nao poderia seguir a pista de ninguem, excetuando um reduzidissimo grupo de clientes, geralmente aqueles que tinham contatos, aqueles que conheciam alguem em alguma parte e podiam trocar seus bens e favores pelos de seus amigos. Isto me recorda uma anedota de minha juventude: uma vez, em pleno inverno, meu pai e eu, enquanto retornavamos a casa, depois de esperar duas horas em um supermercado local, encontramo-nos com uns amigos da familia. Antes de partimos meu pai trocou doze rolos de papel higienico por um par de sapatos, que eram muito estreitos a seu amigo. Conforme me explicou meu pai mais tarde, as pessoas sempre levavam consigo alguma coisa que lhes resultasse imprestavel e que sempre pudessem trocar por algo que pudessem tirar proveito.


Como ja assinalei no capitulo 3, o objetivo da Nova Ordem Mundial é erradicar aos poderes descentralizados, portanto, devem suprimir os territorios independentes, que sao mais dificeis de controlar, e criar uma comunidade europeia dependente, a fim de estabelecer um Governo Mundial Unico (autoridade universal, monopolio) que se autoperpetue.


Na decada de 1980, o professor B. A. Hodson, diretor do Centro Informatico da Universidade da Manitoba, recomendou gravar uma marca identificadora na frente de cada individuo. Num primeiro momento, a ideia consistia em tatuar um fluido permanente, nao toxico, sobre a carne humana, que se trasluziria, com a ajuda de raios ultravioleta, ou infravermelhos.


Em 20 de setembro de 1973, a capa do Senior Scholastics ─ uma publicacao especializada (agora desaparecida), orientada aos centros de ensino medio e superior ─ mostrava um grupo de meninos com numeros tatuados na fronte e divulgava um artigo de fundo intitulado ≪Necessidades sociais e direitos privados. Quem o vigia?≫. Em tal artigo se especulava o seguinte: ≪Sem moeda, sem mudanca e sem cheques. No programa, a todas as pessoas lhes atribuira um numero que terao tatuado, bem no pulso, ou na fronte. Deste modo, todos os artigos de bens de consumo marcar-se-ao digitalmente. No ponto de controle, gracas a um ordenador situado na saida da loja, captar-se-a o numero de artigos selecionados para sua compra, assim como o numero da pessoa, e automaticamente o ordenador somara o preco e descontara a importancia da conta do cliente.≫


O Premio Nobel de Quimica de 1954, Linus Pauling, propos que se tatuasse uma marca nos pes, ou na fronte de todos os jovens, o codigo de seu respectivo genotipo.


Em 1974, um professor da universidade publica de Washington, o doutor R. Keith, inventou uma pistola laser que se empregaria para numerar peixes em menos de um segundo. Farrell disse que tal arma tambem poderia utilizar-se para registrar numericamente as pessoas.


O assessor do Servico de Inteligencia, McAlvany, declarou que ≪a era do dinheiro em papel moeda esta chegando a seu fim e uma nova era com uma sociedade sem dinheiro esta amanhecendo. Se os modernos cartoes eletronicos de credito e debito podem trocar-se por dinheiro em efetivo, entao cada transacao economica de sua vida pode ser catalogada e armazenada como uma futura referencia e, aqueles com o poder de interromper seu acesso ao dinheiro eletronico, podem estrangula-lo no tempo que dura um batimento cardiaco. O potencial do totalitarismo para chantagear e controlar é incrivel, mas a maioria das pessoas nem sequer parece dar-se conta≫.


Michael Journal, do Canada, lancou uma advertencia sinistra sobre os perigos dos cartoes de debito: ≪Enquanto voce puder tirar dinheiro dos caixas automaticos mediante cartoes, estes parecer-lhe-ao bastante praticos, ja que eliminam a necessidade de levar dinheiro em papel-moeda. Em tal caso, o sistema do cartao de debito se convertera em um instrumento para exercer um controle absoluto sobre o ser humano. O objetivo e conseguir uma sociedade sem dinheiro; em que toda transacao economica deva fazer-se, obrigatoriamente, atraves de um sistema bancario informatico, para utiliza-lo se, por qualquer razao, voce e classificado como "pessoa indesejavel".≫ Tomem como exemplo ao autor deste livro. Quanto tempo pensa voce que a Nova Ordem Mundial me deixara conservar meu dinheiro eletronico, em minha conta eletronica, que em papel-moeda sao so numeros na tela, antes de decidir suprimir cada euro, duramente ganho, so pressionando a tecla e apagando tudo do ordenador? Ou, realmente voce cre, que apos ler este livro, deixar-me-ao seguir atuando a meu bel prazer?


Convertido em ≪inimigo do Estado≫ pelo Governo, so terao que apagar seu numero do ordenador central e voce ja nao podera comprar nem vender e, deste modo, condenarao a desaparecer pouco depois. Boris Illinietz, um dissidente sovietico exilado no Ocidente na decada dos setenta, que atualmente vive em Paris, o Estado confiscou seu dinheiro antes de aparta-lo, mediante a imposicao de um exilio permanente no estrangeiro, por atividade anti-sovietica, uma frase chave para a ≪pessoa indesejavel≫.


O continuo fluxo de noticias, procedentes da imprensa mundial ao longo dos anos setenta e oitenta, apontou questoes preocupantes sobre as implicacoes da tecnologia do Grande Irmao sob nossa pele. Em 1980, reportagens anonimas de investigacao aparecidas em U. News e World Report assinalavam que o Governo Federal estava considerando implantar ≪carteiras de identidade nacional sem as quais ninguem poderia trabalhar nem dirigir um negocio≫.


Em 1981, The Denver Post Sun perguntava-se em voz alta o que aconteceria se um dia os implantes de microchip substituissem as carteiras de identidade. O artigo, com data de 21 de julho de 1981, dizia em uma passagem: ≪O chip [...], aproximadamente, do tamanho do diametro de uma ponta de um lapis [...] colocase em uma agulha, que se encaixa em uma simples seringa de injecao esterilizada com uma solucao anti-bacterias [...] pode injetar-se mediante uma simples seringa de injecao ─ do tipo que se utiliza para injetar o medicamento de insulina nos doentes ─ em um ser humano (ou animal) [...] codifica-se uma hostia com um numero exclusivo de doze digitos. A agulha se embainha e ja esta preparada para identificar algo, ou alguem para sempre.≫


Uma ilustracao de pagina inteira em um exemplar de 1993 do London Daily Mail, mostrava as donas das casas europeias realizando compras somente colocando as maos sobre a tela do ordenador na caixa registradora. A titulo de comparacao historica, quando Sylvan Goldman inventou o primeiro carro de compras em 1937, teve que contratar modelos para ensinar como se usava exatamente o novo artefato.


The Sunday Oregonian uniu-se a crescente lista dos meios de comunicacao preocupados com as tecnologias alfa-numericas de identificacao sanitaria, capazes de seguir aos individuos, que ≪reduziriam [as liberdades pessoais] e o direito a intimidade≫. O artigo de fundo do periodico mostrava humanos com codigos de barras na fronte.


A usurpação do Grande Irmão .


Enquanto falamos, esta-se criando um perigoso sistema de bases de dados interconectadas internacionalmente e, como demonstrarei ao longo deste capitulo, podem chegar a armazenar os dados de toda nossa vida em sofisticados arquivos informaticos, que contribuem a uma substituicao gradual de seu dinheiro real por dinheiro virtual, ou eletronico, representado por um conjunto de numeros numa tela de computador.


Para cumulo, o uso de cartoes e de dinheiro eletronico se converte, pouco a pouco, em obrigatorio na maioria das nacoes do mundo desenvolvido, tais como, Canada, Estados Unidos, Australia, Franca e Alemanha, para toda operacao em dinheiro efetivo que seja mais de alguns poucos milhares de dolares. A desculpa que alegam os bancos e que, com o movimento de grandes quantidades de dinheiro, as medidas drasticas atuam para precaver do dinheiro procedente do negocio da droga, a lavagem de dinheiro se da dentro do proprio sistema. Nem temos o que dizer, so um idiota daria credito a esse argumento.


Desgracadamente, a grande maioria submeteu-se a uma lavagem cerebral para acabar acreditando nisso. Nao movemos um dedo para protestar quando os bancos nos exigem justificar qualquer operacao a vista de uns milhares de euros.


Em Committee of 300, John Coleman explica que os verdadeiros multimilionarios dirigem seu dinheiro mediante o sistema CHIPS, acronimo de Camara de Compensacao do Sistema de Pagamentos Internacionais. Vinte dos maiores bancos utilizam este sistema. Um deles e o Banco de Hong Kong e Shanghai. Outro e o Credit Suisse. Em combinacao com o sistema SWIFT (acronimo de Sistema Internacional de Operacoes Financeiras de Alcance Mundial, criado pela comunidade economica internacional em 1973 para garantir a seguranca, a rapidez e a eficacia na transmissao de dinheiro), com base em Virginia, o dinheiro sujo procedente do negocio da droga torne-se invisivel. So os casuais descuidos provocam os exitos do FBI, e isso unicamente quando nao lhe ordena olhar para outro lado. Como resultado, so apanham dinheiro derivado do negocio de droga nas maos dos traficantes de pouca monta. A elite, como Drexel Burnham, Credit Suisse, ou o Banco de Hong Kong e Shanghai, passam totalmente desapercebidos.


Portanto, os bancos pedirem a seus clientes para justificar uma transacao financeira de uns milhares de dolares, ou euros, nao e mais que uma farsa. Seguir o jogo para velar pela honestidade do cliente, so equiparavel a farsa nos aeroportos depois do 11/09: devido a esta montagem e, de acordo com as medidas acordadas, ja nao podemos passar ao interior do aviao os objetos mais rotineiros e inofensivos, no caso de que possam comprometer a seguranca dos passageiros, quando o 11/09 foi na verdade uma operacao do Governo dos Estados Unidos. Existem varios livros excelentes sobre o tema, como o do Michael Ruppert Crossing the Rubicon que o demonstra de maneira inequivoca e faz recair todo o peso da culpa diretamente sobre as costas do Bush e do vice-presidente Cheney. Nao obstante, todo o ≪espetaculo≫ contribui para fazer boa televisao.



Microchips


Para preencher o vazio deixado pela ≪sociedade sem dinheiro≫, os globalizadores precisarao desenvolver um sistema paralelo de compra ou, dito em outros termos, como conseguirao fazer que a gente instale os chips? Fazendo pois as pessoas acreditarem, mediante o uso dos meios de comunicacao controlados, que é necessario, para assim convence-las de que levem para casa um dos aparelhos desenvolvidos pelo Instituto Tavistock de Relacoes Humanas. O argumento, que se esta provando nos Estados Unidos, efetivar-se-a da seguinte maneira:


≪Em primeiro lugar ─ escreve Texe Marrs em Millennium: Peace, Promises, and the Day They Take Our Money Away ─, o mundo ver-se-a obrigado a utilizar um novo sistema de identificacao internacional informatizado, que permitira um acesso imediato aos dados pessoais digitalizados como detalhes bancários, classificaçao creditícia, ou situacao trabalhista. Todas as pessoas disporao de novos cartoes de identificacao pessoal para que o novo sistema funcione. Pouco depois disso, todos os cartoes de identificacao pessoal, cartoes de debito, carteiras de motorista e cartoes de credito aglutinar-se-ao em um so Cartao Inteligente Multiuso de tecnologia avancada com um circuito integrado de sistemas embutidos capazes de armazenar tanto dinheiro eletronico como informacao referente a identidade pessoal. Quase simultaneamente a este acontecimento, o mundo ficara sem dinheiro e a moeda se ilegalizará para que tudo o que devamos comprar e vender o facamos mediante operacao informatizada, quer dizer, simplesmente uma serie de numeros flutuando no ciberespaco.≫


(...)


Uma empresa de pesquisas de mercado, cujo nome é Allied Business Intelligence, estima que o mercado global dos microchips do cartao inteligente crescera em mais de cento e tres milhoes de dolares por volta do ano 2008. Na atualidade, 850.000 consumidores utilizam regularmente cartoes inteligentes na Franca. No Japao estao em circulacao 650.000 moedeiros eletronicos conhecidos como cartoes ≪Edy≫. O cartao frances Moneo (o cartao inteligente que se pode carregar como dinheiro eletronico e se utiliza para pagar no parquimetro, nas maquinas vendedoras e nos comercios. Os protocolos criptograficos protegem a transferencia de dinheiro entre o cartao inteligente e a maquina que a aceita) incorporou-o em seus cartoes de credito ja existentes, algo que nunca se tentou fora da Franca. De fato, acrescentou-se automaticamente 25 milhoes de cartoes de credito que deviam renovar-se sem que os proprietarios o soubessem.


Na etapa final, o Grande Irmao nos dira que tem a solucao ultima para acabar com todos os problemas: unir as pessoas pessoalmente a seus cartoes. Essa sera a razao que esgrimira para que todos recebamos um Transpondedor Biochip de Identificacao Pessoal injetavel sob a pele, que substituira nossas carteiras de identidade. Sem ele, nao se permitira a ninguem comprar ou vender nada.


E aqui o tem: um microcomputador chip pode implantar-se sob sua pele, e as estatisticas demograficas podem ler-se com um exploratorio eletronico. Dispor-se-a tudo para um Governo que deseja controlar os movimentos de todos e cada um de nos, ate que saibam tudo sobre voce.



Um plano para implantar microchips na humanidade


Atualmente, a implantacao de microchips apresenta-se como um procedimento voluntario. Entretanto, Elaine M. Ramish escreveu em uma reportagem para o Franklin Pierce Law Centre [8] que ≪o sistema (obrigatorio) de identificacao nacional mediante a implantacao de microchips pode alcancar-se em duas fases: com sua introducao como sistema voluntario, ja em funcionamento no rastreamento de animais, em cujo caso a implantacao do microchip parecera aceitavel. Depois de um periodo de familiarizacao com o procedimento e o conhecimento de seus beneficios, a implantacao seria obrigatoria≫.


Em WorldNetDaily.com, [9] John E. Dougherty cita ao George Getz, diretor de comunicacoes do Partido Libertario Americano: ≪Depois de tudo, o governo nunca obrigou a ninguem a obter uma carteira de motorista (nem a dispor de um numero da Seguranca Social, hoje obrigatorio), mas tentar viver sem um deles, quando todo mundo, do empregado de seu banco, ao agente do escritorio de aluguel de carros, ou o agente de reservas de um hotel, ou na loja de comestiveis, pedem a voce para que possa beneficiar-se de seus servicos, isto deve ser mesmo uma obrigacao. Se o Governo pode lhe exigir dar seus rastros digitais para conseguir uma carteira de motorista (algo obrigatorio na Espanha nas carteiras de identidade nacional; no passado, so os criminosos tinham que deixar a estampagem de seus rastros) por que razao nao poderiam lhe obrigar a implantar um chip eletronico?≫


O objetivo ultimo é provocar uma rede de controle em uma sociedade sem dinheiro que permita seguir o rastro de cada uma de suas compras, controladas por um Governo Mundial, vigiados por um Exercito das Nacoes Unidas, financiado em sua maior parte pelos contribuintes americanos, regulados economicamente por um Banco Mundial mediante uma unica Moeda Global, e povoados por uma Humanidade desorientada com microchips implantados e conectados a um ordenador global.


Este nao e um ensaio geral do Apocalipse. Isto nao é uma prova. Esta é a nova realidade que gente como os bilderbergers projetou, preparada pelo Tavistock e executada pelos meios de comunicacao, com um esforco de colaboracao por parte das corporacoes multinacionais (as quais "por razoes de seguranca" optaram por empregar cartoes de inteligencia para seguir os passos de seus empregados dentro dos limites de seus escritorios corporativos).


Por hora, para fazer que a populacao em geral aceite o produto, ja lhes impoem literalmente chips a grupos inteiros de pessoas dentro da sociedade: pedófilos, assassinos, violadores, traficantes de droga, delinquentes comuns, doentes mentais, agressores de mulheres, pessoal militar, servicos secretos.


"As etiquetas eletronicas poderao colocar-se aos pedófilos", Sunday Time de Londres, 11/17/2002, http://www.timesonline.co.uk/article/0,2087-483510,00. .html. "Esperanza Aguirre apresenta o bracelete contra os maltratadores", O Mundo, 29/06/2004 , A presidenta de Madrid, Esperanza Aguirre, apresentou o primeiro prototipo de bracelete eletronico que se desenhou na Espanha para detectar quando um maltratador viola a ordem judicial de afastamento e participou, desempenhando o rol de vitima, nas provas demonstrativas de seu funcionamento. [10] A titulo de anedota, Esperanza Aguirre e membro do Clube Bilderberg. "Chip implantado nos empregados judiciais no Mexico", le-se em Associated Press, 14 de julho de 2004.


Desde novembro, os mais relevantes fiscais e investigadores do Mexico comecaram a receber implante nos braços para acessar a áreas restringidas no interior das dependencias do Ministerio de Justica. Segundo e conforme a entrevista que transcrevi de Televisa, so dezoito funcionarios judiciais receberam implantem de microchip, mas o Washington Post, USA Today, AP, NBC, CNN, Business Week e outros 37 meios de canais internacionais principais informaram que o numero de implante era de 160.


Quiça voce se pergunte, o que tem que mau nisso? Inclusive poderia sentir-se mais seguro ao saber que se vigia a todo elemento delitivo. Salvo que nunca parará ai. A elite, o Governo Mundial Único, nao pode lhe implantar um microchip, amparando-se em um processo obrigatório, ate que toda a populacao mundial aceite que é uma progressao natural para um futuro "melhor", como demonstrarei ao longo deste capitulo. Recorde, nenhuma ditadura pode funcionar sem um controle absoluto sobre cada pessoa do planeta. Bem, se voce fosse ditador por um dia, como poderia controlar a cada um de nos simultaneamente? A seguinte historia apareceu no periodico ingles Independen: "Vigia-se via satelite a 5000 dos piores criminosos na Inglaterra." A inovadora tecnologia, desenvolvida nos Estados Unidos, permitira aos organismos de seguranca do estado, assinalar com precisao a localizacao de quao criminosos tenham sido postos em liberdade, antes do tempo, e lhes implantarao etiquetas eletronicas."


Em um futuro muito próximo, colocar um chip sera visto como algo positivo socialmente gracas a uma diversidade de tecnicas desdobradas por parte dos meios de comunicacao. Como no caso de uma operadora espanhola de telefonia movel, cujo principal diretor e um assiduo das reunioes Bilderberg, e que utiliza uma publicidade agressiva para seduzir a juventude espanhola, o publico ao que destinam seus produtos principalmente. A posteriori e com modificacoes de pouca importancia, a publicidade com que a companhia experimenta para "atrair" aos clientes jovens a seus telefones moveis, e a mesma que se utilizara para convencer a essa mesma juventude de injetar-se um novo e "atrativo" microchip dentro do corpo.


Parece-lhe pouco provavel? Olhe so a seu ao redor. Mesmo porque, os piercing na cara e na lingua sao muito populares entre os adolescentes porque se sentem "diferentes": o que esses jovens nao parecem entender é que nao têm identidade propria, mas sim, sao melhores "similarmente diferentes", formam parte de um grupo. O plano publicitario do Bilderberg/Tavistock sacudirá com a mesma eficácia a mesma juventude quando o tempo "mostrar", a fim de exercer pressâo pelo grupo paritario, as vantagens de ter implantado um chip. Alem disso, quando todos os seus amigos e os amigos de seus amigos tenham implantado um chip, como poderá resistir? Ver-se-á como algo moderno e atrevido, e os atrativos membros do sexo oposto disporão de uma vasta coleção de artigos de chips diferentes para escolher.


Por exemplo, USA Today informa que "se esta levando a cabo um importante experimento cientifico entre os clientes do Baja Beach Club Barcelona, Espanha, que rapidamente, em trajes apropriados, sigam ao local ultra-mauricinho, caso eles tenham inseridos sob a pele cartoes de credito eletronicos. As atrativas assíduas do local encontram um problema: vestidas com um top sem costas, nem mangas, e com uma minissaia, nao tem espaco para levar a carteira. E quem quer carregar um moedeiro quando o proposito de ir ali foi para dançar? Por sorte, este ano uma companhia chamada VeriChip achou a solucao em uma tecnologia de identificação por radiofreqüência (RFID). Dentro de um fina cápsula de vidro de aproximadamente 2 cm.


coloca-se um chip digital, que armazena um código exclusivo que permite identificar um individuo, algo similar ao numero eletrônico da Segurança Social. A cápsulas também contem uma antena metálica que pode transmitir por radio esse código ao comerciante, pouco depois do cliente entrar no local. No Baja Beach Club Barcelona, na terça-feira é o dia da implantação dos VeriChips. Uma "enfermeira" ─ a palavra que emprega o Clube ─ utilizara uma seringa de injeção para injetar-lhe uma cápsula VeriChip sob a pele".


Em maio de 2004, NewScientist.com indicava: "O Baja Beach Club Barcelona permite a seus clientes escolher entre um chip RFID, ou um cartão normal, para registrar-se como membros VIP. Estes podem evitar as filas da entrada, reservar uma mesa e utilizar o salão VIP de tal clube noturno."


Assim e como VeriChip proporciona seu "maravilhoso" novo produto. Um de seus gerentes, conhecido de um amigo meu, que vive no Sitges, desde 1960, falou-me sobre o "publico alvo" do Baja Beach Club Barcelona. O Mercado Objetivo: os jovens, os estudantes universitarios, os yuppies em ascensao social, os adolescentes.


IMPLANTE UM CHIP: PROGRAMA DE REGISTRO AO VERICHIP


VeriChip, a primeira tecnologia mundial de identificacao pessoal sob a pele, anuncia um programa especial de lancamento para a inscricao preliminar. Registre-se para ser um dos primeiros no mundo a "implantar um chip."


Convidamos-lhe a preencher o formulario de pre-inscricao que encontrara abaixo, para ter direito a esta oferta de lançamento especial, da qual se beneficiarão as primeiras 100.000 pessoas que se registrarem e todos os titulares acionistas do ADS.


Desconto de 50 %: Todos os acionistas ADSX receberão um desconto de 50 % no momento de implantar o chip. Desconto de 50 %: As primeiras 100.000 pessoas que se registrarem conseguirão uma economia inicial no momento de implantar o chip.


Registre-se hoje!!!


Por puro azar, IBM, a companhia que esta por trás do VeriChip, o maior comerciante de chips implantáveis, também se encarregou do sistema de catalogação pelos nazistas para armazenar informação sobre os judeus na Alemanha de Hitler.


Esta impressionante descrição procede do próprio site Web da companhia: “VeriChip TM - Ali quando você necessitar.


Visão geral.


O sistema de identificação miniaturizado VeriChip de radio-freqüência (RFID) e o núcleo de todas as aplicações VeriChip. Do tamanho de um grão de arroz, cada VeriChip contem um numero de identificação pessoal que se pode utilizar para acessar a uma base de dados subscritos abastecida de informação pessoal. E a diferença das formas convencionais de identificação, VeriChip não se perde, não pode ser roubado, esquecido, extraviado ou falsificado.


Processo.


Uma vez implantado sob a pele do paciente mediante um processo rápido e indolor (muito parecido a uma injeção), o VeriChip pode escanear-se, quando for necessário, pelo proprietário de um scanner VeriChip. O numero de inscrição VeriChip permite um acesso imediato ao Registro Global de Inscritos VeriChip (GVS); acesso a Web, por meio de uma contra-senha segura e que protege a informação dos inscritos. Estes dados se mantém mediante os centros de Operações de Registro GVS, mais pontos situados em Riverside, California e Maryland.


O futuro.


O emprego da tecnologia avançada VeriChip significa reduzir substancialmente, ou eliminar o risco de roubo, perda, duplicação, ou falsificação de dados. Os produtos VeriChip desenvolvem-se ativamente para uma variedade de funções como segurança, defesa, segurança nacional e aplicações de acesso seguro, tais como, o controle de acesso autorizado ao Governo, ou facilidades do setor privado, laboratórios de investigação e recursos para o transporte confidencial, incluindo a área de segurança nos aeroportos.


No âmbito financeiro, VeriChip tem um potencial enorme como tecnologia de identificação pessoal, que pode ajudar a frear os roubos e prevenir o acesso fraudulento as contas bancárias e dos cartões de credito. VeriChip obtém isto sem baterias, ou qualquer fonte de energia interna. Mantêm-se inativo sob sua pele até que o proprietário de um leitor VeriChip ative-o. Então o VeriChip transmite seu número de identificação pessoal, em milésimos de segundo, ao leitor externo.


Os meios (insinuação de êxito, normalidade e aceitação em função da cobertura da imprensa dos Estados Unidos).


Desde seu anúncio, em 19 de dezembro de 2001, VeriChip conquistou uma enorme atenção nos meios de comunicação dos Estados Unidos, assim como em todo mundo. Apareceram artigos sobre tecnologia nas principais publicações, entre elas: Time Magazine, People Magazine, The Washington Post, The Los Angeles Time, The Chicago Tribune, The Assodated Press, Reuters.


Os diretores da companhia discutiram e demonstraram esta tecnologia em: NBC's Today Show, ABC's Good Morning America, CBS Early Show, CBS Evening News, ABC's World News Tonight, CBS Eye on America, The View, CNN com a Paula Zahn, CNN Headline News, ABC Family/CBN, The O' Reilly Factor on Fax News, National Public Radio, The BBC, CBS Radio, ABC, CBS e os afiliados da NBC em todo o territorio nacional.”


Dão-se conta de que todos os meios que acabo de citar pertencem ao Clube Bilderberg, a Comissao Trilateral e ao Council on Foreign Relations(CFR). O novo segmento da população que se fixara objetivamente são as crianças.





Falaram-me sobre o próximo plano dos bilderberger de converter o espantoso tema dos seqüestros infantis em tema de domínio publico (ajudados pelo necessário frenesi dos meios de comunicação). Este não e um fenômeno novo.


Segundo as estatísticas do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, só no último ano seqüestraram 358.000 crianças. Só que os meios de comunicação, por hora, querem guardar em silencio este impressionante dado.


Para implantar microchips nas crianças, será necessario convencer aos pais de que este crime horrível alcançou proporções epidêmicas. Contra quem clamarão os pais e a sociedade quando os seqüestro saírem a luz? Contra o Governo por não fazer o suficiente? Contra os criminosos? Mas, quais e onde estão? Os bilderberger utilizam os meios de comunicação como veiculo para provocar turbulências. E quando as terriveis cenas de assassinato e tragedia se apresentarem frente ao mundo inteiro, a sociedade sentirá a necessidade de reagir. No "Committee of 300", John Coleman escreve: "Tera que destacar tres fases distintas na resposta e reação mostradas pelos grandes grupos sociais. Em primeiro lugar, a fase da superficialidade; a população ante ataques defenderá a si mesmo com lemas (leia-se ≪Nao aos crimes≫, ≪Mais amparo policial ja≫, ≪Deus queira que isto nao aconteca em nosso tranquilo e agradavel bairro≫...) Isto nao identificará a origem da crise e, portanto, nao haverá nada concreto contra o que se dirigir, dai que a crise persistira. Em segundo lugar, a fase da fragmentacao.


Terá lugar enquanto a crise continuar e a ordem social se desmoronar (leia-se que chegados a esse ponto, os cidadãos se organizarão por si mesmos como vigilantes, dentro de seus bairros, para defender seu territorio, pouco seguros de quem e o inimigo). Entao, entrará em jogo a terceira fase em que a população se radicalizará e se desviará da crise induzida, ao que seguirá uma reação de inadaptaçao acompanhada de um ativo idealismo sinotico e dissociaçao (leia-se: contra os resultados, como no 11/09 e nao da causa, como no interrogante suspenso, faz muito tempo: como um recluso árabe, podia ter os meios, com um walkie talkie, para dirigir uma operaçao logistica tao complicada, de seu esconderijo remoto, perdido entre as montanhas do Afeganistao. E se nao, quem poderia ter sido e por que?). O Instituto Tavistock, que estuda o comportamento humano, e principal órgão de lavagem cerebral da Nova Ordem Mundial, chamado "Penetração de Longo Alcance".


Durante mais de meio século, os bilderbergers, apoiados por Tavistock e sua "jóia" americana ─ o Instituto de Investigação de Stanford ─, ocasionaram um trauma de penetracao a longo prazo e de lavagem cerebral em nossa sociedade. Coleman explica que "os conspiradores podem criar e capitanear aos elementos quebrantadores do equilíbrio que lhes agradem." Por exemplo, assinala "as misteriosas guerras de bandos" que irromperam em Nova Iorque, Los Angeles, Filadélfia e Chicago na década de 1950... e que foram "cuidadosamente planejadas no Stanford, desenhadas deliberadamente para ludibriar a sociedade e provocar uma onda de perturbação". Ate a década de 1980 não descobriu aos "que controlavam das sombras os assim chamados fenômenos sociais". Seus promotores pertenciam ao conselho do Stanford-Tavistock-Bilderberg.


Depois de servir a seu propósito intencionado de criar um elemento perturbador na sociedade, as turmas desapareceram repentinamente em 1966. A questão é o que sabia o Departamento de Policia de Los Angeles, LAPD, que contava entre seu pessoal com os melhores e mais brilhantes agentes de Policia; o Departamento da Policia de Chicago, que tem a maior mão dura nos Estados Unidos e é celebre por sua luta contra Capone e outros gângster; o Departamento de Policia da Filadélfia, com seus agentes de policia acostumados a lutar com traficantes e delinqüentes, que se movem nos guetos dos carentes bairros centrais, cuja visão recorda-me como ficou a cidade de Dresde, em 1945, apos receber o impacto de uma chuva de bombas.


Que fazia o legendário Corpo de Policia de Nova Iorque quando surgiu a primeira turma pela primeira vez e pouco depois se estendeu e multiplicou rapidamente? Por que o aparelho de segurança dos Estados Unidos e as forças de Proteção Civil podem controlar meio milhão de homens durante uma manifestação e, entretanto, não são capazes de lutar contra um pequeno bando de valentões? Por que não intervieram os militares americanos com seus tanques, helicópteros, exércitos, marines, rangers para ajudar a derrubar esta situação e proteger aos aterrorizados cidadãos contra esta ameaça? A menos que toda a operação estivesse dirigida pela mesma gente que organizou o 11/09, aqueles que dirigem nossa firme marcha para a escuridão de sua desejada ditadura de uma Única Ordem Mundial...


Fixem-se no que acontecera aos casos de seqüestro na America, assim como, suas terríveis conseqüências (a violação e o assassinato de uma pessoa inocente, com toda riqueza de detalhes, que transladarão a sua casa a sensação de que a sociedade não e segura) pelos quais nos informarão os meios de comunicação controlados pelo Grupo Bilderberg. Os acontecimentos apresentar-se-ao da mesma maneira que se apresentou a violência entre os bandos para uma sociedade desconcertada, durante a década recente de 1960, devido a ação soterrada dos bilderbergers.


Depois da reunião secreta do Clube Bilderberg na Suécia me inteirei, através de uma fonte de Inteligência extremamente confiável, de que os bilderbergers estavam planejando "um ensaio geral na primavera e no verão (de 2002) pelo que, em pouco tempo, se converteria em uma tragédia de proporções epidêmicas (de seqüestro infantis)". Por desgraça, minha fonte (com uma bem-sucedida percentagem de 94% em sua predição) estava certa.


Os casos recentes abalaram aos pais porque a maioria das vitimas seqüestrada estava em sua própria casa, ou justo na soleira da porta. Por exemplo, durante as horas em que se informou que Cassandra Williamson tinha desaparecido da casa de seus vizinhos, situada nos subúrbios de St. Louis, a busca foi transmitida direta pelos canais de noticias de televisão a cabo por todo Estados Unidos. Estes são alguns dos titulares desse fatídico 2002: "Elisabeth Smart, de quatorze anos e natural de Utah, desapareceu de seu dormitório em 5 de junho e ainda continua o paradeiro desconhecido", The Oregonian, 5 de junho de 2002.


"Encontrou-se o corpo sem vida de uma menina, cujo paradeiro era desconhecido... Apos semanas de busca, Danielle van Dam, de sete anos de idade, foi achada morta" , CNN.com, fevereiro de 2002.

 "Samantha Runnion, de cinco anos, raptada perto de sua casa", PRWeb.com, 15 de julho de 2002. Samantha Runnion, de cinco anos de idade, foi encontrada morta em Riverside, California, CNN.com, 16 de julho de 2002. "Percepção de perigo apesar da cobertura nos meios, acontece a onda de estranhos seqüestro." Os recentes seqüestro são descarados e transpassaram os limites sociais e econômicos, São Francisco Chronicle, 28 de julho de 2002.


"Erica Pratt, de sete anos, seqüestrada na calcada de uma favela da Filadélfia", São Francisco, Chronicle, 24 de julho de 2002.


"Cassandra Williamson, que desapareceu da cozinha da casa de uns vizinhos, foi achada morta". Fax News, CBS News, 26 de julho de 2002.


Outra vez, depois de servir a um fim determinado, os seqüestro se evaporaram da opinião publica no inicio de 2003. Como no caso das guerras de bandos "o publico reagiu de acordo a reação esperada e projetada pelo Stanford" (leia-se: indo contra as conseqüências visíveis em lugar de procurar a causa invisível); porque a sociedade em conjunto não reconheceu os sintomas de uma etapa de um processo dirigido por eles. Os meios de comunicação, em cooperação com o Stanford, centraram a atenção de milhões de americanos nos preocupantes casos de seqüestro, seguidos de violações e amputações que gelaram o sangue da população, devido a sua intensidade, sadismo e crueldade.

publicado por conspiratio às 22:45
link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
4 comentários:
De Ander a 24 de Janeiro de 2011 às 12:06
Apesar de ser um post longo, vale a pena ler. Muito informacional, como outros desse gênero. Imagine poder saber onde se localiza um sequestrado, ou qualquer pessoa no planeta, tendo simplesmente um chip instalado no corpo. Seria uma maravilha, a priori, mas não vejo dessa forma. A ideia, como o texto proclama é envolta na palavra - controle. Define o que os Comite dos 300, Bilderbergers, Skull and Bones e outros.
Veja-se recentemente as tornozeleiras eletronicas para os presos. Seria um começo, não?
Enfim, acredito que isso não será levado a cabo, outras forças estão atentas a este tipo de movimento, contudo ao mesmo tempo se passa em mim que a maioria das pessoas atuando mecanicamente do jeito em que estão, se sujeitarão a algum tipo de controle assim.
Enquanto isso, cara Celia, vamos vivendo e caminhando.
De Célia Barcellos a 25 de Janeiro de 2011 às 20:05
Oi Ander,
de alguma forma temos que fazer a nossa parte, se não, essas forças não se mexerão. Como diz Sai Baba:"A CADA PASSO QUE VC DER NA MINHA DIREÇÃO, DAREI 10 NA SUA." Então, precisamos fazer o possível, dar os primeiros passos na direção da transformação.

O livro do Daniel Stulin, A VERDADEIRA HISTÓRIA DO CLUBE BILDERBERG, está disponível para download na Internet.

Abs,
Celia
De Paulo Henrique Lima a 15 de Julho de 2011 às 15:30
Olá, Célia!
Venho parabenizá-la pelo conteúdo de seu blog. Certamente devemos manter os olhos e ouvidos bem abertos para evitar os enganos e armadilhas modernas.
Imaginar um microchip sob a pele é algo bastante arrepilante. O discurso para controlar a Humanidade é sempre o mesmo: "proteger" as populações, curar as doenças (então dá-lhe vacinas absurdas!)
A ideia é antiga e bem simples. Primeiro semeia-se o Medo para depois vender a "segurança" que "eles" mesmo fabricarão. Pessoas medrosas são mais vulneráveis ao controle globalitário.
Peço permissão para publicar seu texto no meu blog.
De Célia Barcellos a 15 de Julho de 2011 às 18:20
Oi Paulo, fique à vontade, mas o texto não é meu. O texto é do livro de Daniel Estulin, A VERDADEIRA HISTÓRIA DO CLUBE BILDERBERG que está disponível para download na Internet. Não se acha para comprá-lo em português, a não ser em sebos, às vezes.

Abs,
Celia

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. NÃO AO MARCO CIVIL DA INT...

. INVASÃO CUBANA - PROGRAMA...

. PAPA FRACISCO: UM COMUNI...

. GOVERNO TEM PRESSA PARA C...

. FORO DE SÃO PAULO É O PRO...

. Yoani Sanchez dissidente...

. TEOLOGIA DA LIBERTAÇÃO E ...

. NOVA ORDEM MUNDIAL ESTÁ P...

. O DESEJO IRRESPONSÁVEL DE...

. COMUNISMO SE CURA COM VER...

. A HISTÓRIA SECRETA DE ANA...

. A CONSPIRAÇÃO DO FORO DE ...

. A LISTA DE CLINTON - ESTR...

. A EDUCAÇÃO MORREU?

. CAUSAS DO CAOS BRASILEIRO...

. CONSPIRAÇÃO DO FORO DE SA...

. A HISTÓRIA SECRETA DE ANA...

. ABORTISMO SENDO INSTALADO...

. NOVA ORDEM MUNDIAL ESTÁ P...

. TEOLOGIA DA LIBERTAÇÃO,

. O PROBLEMA É O FORO DE SÃ...

. ORVIL - TENTATIVAS DE TOM...

. CONSPIRAÇÃO CONTRA A CIVI...

. RITALINA E OUTRAS DROGAS ...

. O EX-REVOLUCIONÁRIO DOSTO...

. UM POUCO SOBRE ABDUÇÃO E ...

. FINS E MEIOS, BEM E MAL,...

. PRIORADO DE SIÃO E A NOV...

. SE NÃO INVESTIRMOS EM CON...

. CONGRESSO QUER MANDAR NO ...

. COREIA, NOVA ORDEM MUNDIA...

. BLOSSOM GOODCHILD E A NAV...

. AGRICULTOR EM GUERRA CONT...

. CONTRA A CAMPANHA CONTRA ...

. OPRIMIR O CIDADÃO COM LEI...

. MANIPULAÇÕES DA LÓGICA, D...

. EXTINGUINDO A PROFISSÃO D...

. KARL MARX , ADAM WEISHAUP...

. CONTROLE E MAIS CONTROLE ...

. UFO OU MÍSSEL ATINGE "MET...

. LÚCIFER E A REVOLUÇÃO

. HIPNOSE PELA TV - DAVID I...

. FORMAÇÃO DO IMBECIL COLET...

. VOAR É COM OS PÁSSAROS?

. OS BILDERBERGERS/ILLUMINA...

. QUEM MANDA NO MUNDO

. O ILLUMINATI OBAMA SE DÁ ...

. ARIZONA WILDER REFUTA DAV...

. QUEM MATOU AARON SWARTZ?

. AGENDAS DE DOMINAÇÃO GLOB...

.arquivos

. Abril 2014

. Novembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Julho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.tags

. 3 elites globalistas(6)

. a corporação(9)

. acobertamento(13)

. agenda illuminati(13)

. alex jones(8)

. amor(20)

. animais(29)

. arqueologia proibida(4)

. atenção(7)

. auto-realização(33)

. autoritarismo(7)

. bancos terroristas(8)

. benjamin fulford(5)

. bíblia(7)

. big pharma(12)

. bilderberg(8)

. budismo(24)

. calar a democracia(5)

. censura da internet(15)

. cérebro(22)

. codex alimentarius(15)

. comunismo(13)

. concentração(14)

. consciência(7)

. conspiração(94)

. conspiração antidemocrática(6)

. conspiração financeira(11)

. controle da informação(17)

. controle da internet(22)

. cura(25)

. daskalos(7)

. david icke(9)

. denúncia(10)

. depopulação(6)

. despopulação(8)

. deus(10)

. ditadura(14)

. ditadura através da mentira(6)

. ditadura através da saúde(11)

. documentários ufológicos(7)

. ecologia(35)

. educação(7)

. ego(25)

. engenharia social(9)

. ensonhar(11)

. eqm (experiência de quase-morte)(12)

. extraterrestre interferência(11)

. filosofia(6)

. globalistas(5)

. goldsmith(8)

. google(9)

. governo oculto(31)

. gripe suína(8)

. história(17)

. história da nom(5)

. illuminati(54)

. integração(9)

. internautas conheçam seu poder(6)

. internet censura(11)

. intraterrestres(8)

. jesus(8)

. krishnamurti(13)

. lei cala-boca da internet(5)

. liberdade(8)

. livre-arbítrio(6)

. manipulação da informação(13)

. manipulação da mente(8)

. manipulação das massas(8)

. medicina natural(10)

. mentecorpo(5)

. microchip(7)

. milton cooper(7)

. monsanto(6)

. movimento revolucionário(9)

. neurociência(20)

. nom(43)

. nova ordem mundial(83)

. obama(7)

. olavo de carvalho(31)

. poder da internet(5)

. poder da mente(97)

. poder das farmacêuticas(5)

. política(16)

. predadores da humanidade(16)

. problema-reação-soluçao p-r-s(7)

. profecias(9)

. project camelot(11)

. psicanálise(5)

. pt(9)

. rauni kilde(6)

. realidade(7)

. rockefeller(7)

. saúde(19)

. sonho lúcido(22)

. totalitarismo(9)

. totalitarismo global(9)

. ufo(46)

. universo(16)

. vida(31)

. xamanismo(15)

. todas as tags

.favorito

. NÃO AO MARCO CIVIL DA INT...

. INVASÃO CUBANA - PROGRAMA...

. PAPA FRACISCO: UM COMUNI...

. GOVERNO TEM PRESSA PARA C...

. FORO DE SÃO PAULO É O PRO...

. TEOLOGIA DA LIBERTAÇÃO E ...

. NOVA ORDEM MUNDIAL ESTÁ P...

. COMUNISMO SE CURA COM VER...

. A HISTÓRIA SECRETA DE ANA...

. A EDUCAÇÃO MORREU?

.links

.links

.EXPANDIR A CORRUPÇÃO É ESTRATEGIA REVOLUCIONÁRIA - OLAVO DE CARVALHO

.DAVID ICKE - PROBLEMA-REAÇÃO-SOLUÇÃO - a mais poderosa técnica de manipulação das massas

.EXPANDIR A CORRUPÇÃO É ESTRATEGIA REVOLUCIONÁRIA - OLAVO DE CARVALHO